top of page

Como comer chocolate?

Como você come seu chocolate? O tempo passa e vejo como é importante o trabalho que eu e Bárbara estamos desenvolvendo na nossa clínica. Sempre achei que profissionais da saúde jogassem no mesmo time, mas tem dias que meu coração sai apertado do consultório. Vejo indivíduos que perderam o prazer no ato de se alimentar, que vão ao nutricionista com medo de serem julgados por possuírem hábitos que não condizem com o esperado pela sociedade “hardcore” da nutrição. Que amam carboidrato, mas foram doutrinados a acreditar que na nutrição existem vilões e mocinhos. Que açúcar é basicamente cocaína. (PQP, NUNCA VI NINGUÉM VENDENDO O TENIS PARA COMPRAR 01KG DE AÇÚCAR CRISTAL)! RSRSR! Hoje em dia não pode nada – Tudo é tóxico, tudo mata, até a pobre das frutas causam “PICO DE INSULINA” e te fazem armazenar gordura. News flash: A sua secreção de insulina nunca será capaz de estocar gordura, se no fim do dia, o seu balanço energético estiver adequado (déficit de calorias). Vejo meninas consumindo menos de 1.000kcal, tendo episódios de compulsão e o que o profissional faz? Afirma que a culpa é do paciente e que lhe falta força de vontade. Se comer batata doce e frango seis vezes ao dia é difícil para qualquer fisiculturista. Será mesmo que um indivíduo normal, que trabalha o dia todo dentro de um escritório precisa sofrer tanto para perder uns quilinhos e ficar legal naquela roupa especial? NÃO! NÃO PRECISA! Enfim, não existe um único alimento que irá lhe fazer engordar. O que engorda é o excesso de calorias. Não é o açúcar, não é a proteína e não é a gordura. Compreender isso lhe proporciona a liberdade de apreciar as comidas que gosta e ainda assim conquistar resultados sólidos. Procure sempre um nutricionista.

15 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo
bottom of page